quinta-feira, 28 de julho de 2016

O Vazio




O que é este vazio
Onde se formam os enganos,
Onde passam os anos,
E fico-me pelo desvario?

Este vazio em que
Vagueando no meu mundo
Pelas ilusórias paisagens
Aprendo e não esqueço
Miragens serão sempre miragens

Esvazia-se o meu coração
De emoção e de esperança,
Sofri a tempestade
E quis a bonança
E foi como um trovão
Que amargurei nas noites frias,
Vendo as horas e os dias
Tornando-se num vazio

Sem comentários:

Publicar um comentário